Inchaço na gravidez? Massagem agora!

A gravidez é um período de muitas mudanças para a mulher e nesta fase tão importante, a preocupação com a saúde e o bem estar devem ser redobrados. Entre as mudanças características da gravidez, o inchaço na gravidez é comum, mas pode ser minimizado e até evitado com algumas práticas simples, como a massagem. Ela é uma ótima pedida para as gestantes e para o bebê.

Saiba mais sobre esses benefícios aqui!

inchaço na gravidez

O inchaço na gravidez

O inchaço na gravidez também chamado de edema pelos médicos, é muito comum após a metade do período de gestação. Ele atinge principalmente os membros inferiores como pernas e pés e pode trazer incômodo e dores.

Mas por que temos inchaço na gravidez? Bem, é que durante a gestação existe maior retenção de líquidos e o útero passa a acompanhar o crescimento do bebê, comprimindo vasos da região pélvica, o que pode prejudicar o retorno e circulação do fluxo sanguíneo.

O inchaço na gravidez é normal, mas pode ser evitado

Mas sem desespero, o inchaço na gravidez, como já falamos, é comum e o acompanhamento médico pode identificar se houver alguma anormalidade. Além disso, você pode prevenir e amenizar o inchaço e seus incômodos com algumas atitudes simples.

O ideal é evitar hábitos como o tabagismo e o consumo de álcool antes mesmo da gestação começar e durante o período de gravidez, ter uma alimentação equilibrada e com pouca ingestão de sal.

Combinando estes hábitos com a prática de massagens (desde que autorizada pelo seu médico) você consegue não só amenizar o inchaço na gravidez como também pode evitar que ele apareça em sua gestação.

Como a massagem pode ajudar

Para evitar e diminuir o inchaço na gravidez com a massagem, é importante que você tenha o aval do seu médico. Os benefícios da massagem são muitos, mas isso é necessário para não causar algum tipo de problema em uma gravidez de risco, por exemplo.

A massagem é mais recomendada a partir do terceiro mês de gestação e pode diminuir o inchaço não só nos membros inferiores como em todo o corpo. Seus principais benefícios são:

-Reduz dores e desconfortos causados pela dificuldade de circulação sanguínea;

-Melhora a absorção de nutrientes nas regiões massageadas;

-Ajuda na circulação do sangue evitando alterações cardiovasculares durante a gestação;

-Elimina líquidos e também toxinas do nosso corpo;

-Ajuda a regular o intestino.

Inchaço na gravidez? Massagem já!

Pra começar a aproveitar os benefícios da massagem na gravidez, fale com seu médico e comece já. Ela pode ser feita com pouca intensidade por você para alívios mais rápidos ou por profissionais especialistas buscando resultados mais efetivos.

No caso da massagem caseira, você pode fazê-la de forma simples, procurando uma posição confortável para você e para o bebê e utilizando cremes neutros e naturais, sem adição de produtos químicos, pois são absorvidos pela pele.

Com isso, faça movimentos leves e circulares por todo o corpo ou nas regiões de inchaço. Para complementar, você também pode fazer movimentos de vibração por toda a superfície do abdômen, o que ajuda na drenagem linfática natural do organismo e estimula a circulação.

Conte com a ajuda de quem sabe

Além da massagem caseira, você pode contar com profissionais especializados para potencializar os benefícios da massagem na redução do inchaço na gravidez, como é o caso do SmartSpa, que oferece o serviço no conforto de sua casa.  A massagem Gestação Leve e Tranquila elimina líquidos e toxinas, evita alterações cardiovasculares, regula o intestino e facilita a absorção de nutrientes pelo bebê, usando técnicas da drenagem linfática.

Viu como reduzir o inchaço na gravidez com massagem é muito mais prático e acessível do que parece? Não perca tempo e preze pelo bem estar em sua gestação.

Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário, ficaremos felizes em ajudar!


One comment

  1. […] período da gestão é o mais importante para o corpo de uma mulher, porque todo ele se adapta para ter as condições […]

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.